Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

Inocência

Jogador é vítima de 'boa noite, Cinderela' na Argentina

29 ABR 2011Por Folha20h:00

O jogador do Independiente Walter Busse, 24, caiu no golpe conhecido como "boa noite, Cinderela" na Argentina.

Em entrevista a uma rádio local, ele contou o caso e disse sentir que podia ter morrido devido à dose de droga usada no golpe.

"Estou um pouco perdido pelo efeito da droga, um pouco mareado, mas já consciente para poder falar e entender o que aconteceu. Foi muito grave. Se a dose [da droga] fosse um pouco mais forte, estariam me velando em um caixão", disse o jogador para "La Red", segundo o diário esportivo argentino "Olé".

O jornal "Olé" fotografou o jogador Walter Busse em seu apartamento após sofre o golpe
Drogado por três garotas que conheceu na noite e levou para seu apartamento, junto com o irmão, Busse teve o carro, praticamente tudo o que possuía em casa e até o cachorro roubados.

"Meu irmão está nas mesmas condições que eu. Graças a Deus ele está melhor. Eu acordei antes que ele, levantei-me e tratei de avisar alguém, porque não deixaram nada no meu apartamento. Acredito que depois de um ou dois dias sem aparecer, o clube mandaria alguém me ver, um doutor, mas não sei o que poderia ter passado. Não sei qual foi a droga que me deram, mas, pelo visto foi bastante forte", contou.

O clube percebeu o ocorrido porque o jogador não foi ao treinamento de quinta-feira e também não atendia as ligações. Então, o encontraram no apartamento, ainda confuso.

"Quero me explicar a todos do Independiente que estou arrependido, porque sabem quem sou eu, como companheiro de trabalho, como jogador. À torcida, que sempre me tratou muito bem, que pedir desculpas. Agora estou em condição de falar, estou uns 70% consciente, mas não estou totalmente recuperado".

"Isto podia acontecer com qualquer um. Vem alguém, coloca algo na bebida e tchau. Levaram até o cachorro. Um carro, que tem seguro, posso recuperar. Mas o restante, não. Mas dou valor a estar vivo. Poderiam estar passando na TV "mataram Busse". Mas por que levaram o cachoro? Tem uma história, foi presente de alguém muito importante, que amo muito, que é minha namorada", afirmou o jogador.

Solange Rivas, namorada de Busse, também deu entrevista à "La Red" para falar do caso.

"Para mim não é incomodo falar com ele. Estou feliz em saber que ele está bem", disse a namorada.

No Twitter, porém, Solange não foi tão comedida com as palavras e expôs seus sentimentos.

"A verdade é que quero morrer. Que difícil momento estou passando. Uma coisa é uma humilhação privada, outra é a pública", escreveu. "Este é o pior momento da minha vida. Obrigado, Walter Busse por todo o dano que me fez. A verdade é que não vou te matar. Suas ações falam por si. Só digo que é a decepção da minha vida", concluiu a namorada.

Leia Também