Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 12 de dezembro de 2018

TREMOR

Japão terá dificuldade para reconstrução

11 MAR 2011Por estadão17h:34

O forte terremoto que atingiu o Japão é o assunto do dia nos principais sites financeiros. A catástrofe provocou um tsunami de dez metros de altura que, por sua vez, gerou fortes ondas no Havaí e pode chegar, de forma menos intensa, à costa oeste do Continente Americano.

As ações da resseguradora Munich Re caíam 4,65% por volta das 11h (de Brasília). Justamente ontem, a empresa afirmara que só alcançaria o lucro previsto de 2,4 bilhões de euros no ano se eventuais gastos ficassem abaixo da expectativa. No entanto, o terremoto de Tóquio hoje foi o pior nos últimos 14 anos.

Impacto limitado

A forte queda das ações da seguradoras e resseguradoras não é o fim do mundo para as multinacionais do setor. Uma outra análise do “Wall Street Journal” afirma que o impactoserá limitado porque o terremoto e o tsunami não afetaram regiões fundamentais para a economia japonesa.

A Bolsa de Tóquio caiu 1,7% e afetou também as ações em outros países asiáticos, como informou a Agência Estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também