Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTE

Japão deve desistir de participar da Copa América na Argentina

Japão deve desistir de participar da Copa América na Argentina
03/04/2011 17:07 - ESTADÃO


A participação do Japão como convidado na Copa América deste ano deverá ser descartada por conta do caos causado pelo devastador terremoto e o tsunami que atingiram o país no mês passado.

O presidente da Federação Nacional de Futebol do Japão, Junji Ogura, viajou para a América do Sul no domingo para informar aos organizadores que não era mais viável a participação da seleção apelidada de "Samurai Azul" na competição.

"Nós pedimos para participar e eles concordaram", disse Ogura ao jornal de esportes Nikkan Sports. "Agora, eu terei que explicar que a situação atual no Japão não é por escolha nossa". "Eles entendem que precisaremos de julho (para reagendar as partidas do Campeonato Japonês)", disse ele, insinuando que era impraticável a participação do Japão na Copa América de 1 a 24 de julho na Argentina.

Como resultado do terremoto de magnitude 9,0 e do tsunami que atingiram o nordeste do Japão, mais de 11 mil pessoas morreram e 15 mil ainda estão desaparecidas.

O desastre provocou cancelamentos em vários esportes no país. As partidas do Campeonato Japonês foram reagendadas, deixando pouco espaço para a Federação Japonesa de Futebol. 

Felpuda


O desgaste de antigas lideranças nacionais, com reflexo em nível local, é a maior preocupação dos dirigentes de partidos para as eleições deste ano, que terá reflexo em 2022. Em épocas passadas, essas figurinhas cruzavam os céus do País para visitarem os municípios e pedirem que a população votasse em seus ungidos. Agora, com pendências judiciais e poder enfraquecido, dificilmente seriam convidadas. A pandemia, que resultou no isolamento social, foi a pá de cal.