Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

PROCESSAMENTO DE FRUTAS

Ivinhema aumenta produção de goiaba

9 MAI 2011Por ASSESSORIA00h:01

Com recursos do Ministério do Desenvolvimento Arário (MDA), município construiu uma fábrica de processamento de frutas. A mini indústria deve ajudar a evitar o desperdício e os produtores aguardam a expedição da licença ambiental do Imasul para que possa haver a inauguração da obra.

"Nós só temos que agradecer. A nossa produção está uma maravilha. Estou cultivando goiaba há quatro anos e não perdi nada”. Estas são palavras do agricultor José da Silva, 53 anos. Ele, que possui uma pequena propriedade localizada na Gleba Azul - no Município de Ivinhema, fala entusiasmado como este tipo de cultura tem lhe sido útil. Segundo o produtor, desde quando iniciou essa atividade, a sua renda familiar aumentou significativamente. “Aqui trabalha eu e mais meus dois filhos. A renda é muito boa e dá pra se manter tranqüilo”, disse o agricultor.

Outro produtor que compartilha a mesma ideia é o senhor Luiz Samarrenho que cultiva goiaba desde 2006 em Ivinhema. “Antes tinha um pedaço de terra que não dava lucro nenhum, daí veio a possibilidade de plantar goiaba e a coisa ficou dez. É muito mais rentável que várias outras culturas. Estou satisfeito”, disse Samarrenho.

Os dois produtores citados acima são bons exemplos de como a cultura da goiaba tem rendido bons frutos. Tanto que a Prefeitura, através da Secretaria de Agricultura incentiva o plantio. Atualmente, no município de Ivinhema atualmente estão plantados cerca de sete pés de goia e a previsão é que esse número aumente para 8,5 mil ainda neste ano.

Técnicos da Agraer de Ivihema apontam que os produtores que cultivam goiaba e também participam dos projetos como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), da Conab - Companhia Nacional de Abastecimento, executado pela Prefeitura e Agraer, têm conseguido resultados favoráveis.

O PAA tem por objetivo incentivar a agricultura familiar, compreendendo ações vinculadas à distribuição de produtos agropecuários e à formação de estoques estratégicos, sendo constituído por instrumentos que permitem a estruturação e o desenvolvimento desta área. Em Ivinhema, o projeto já está em sua terceira edição e cresce a cada ano.

A Conab adquire os produtos cultivados no Município, que são distribuídos para entidades filantrópicas locais, além de creches, escolas, Apae e também municípios vizinhos como Angélica e Deodápolis.

E com a finalidade de viabilizar ainda mais a produção local, a Prefeitura, com recursos do Ministério do Desenvolvimento Agrário já construiu uma fábrica de processamento de frutas. “Já foi adquirido os equipamentos desta fábrica, com exceção de uma esteira e um compressor que estão em processo de licitação. Estamos aguardando somente a licença do Imasul (Instituto de Meio Ambiente), que autoriza o funcionamento da fábrica”, destacou Edson Correa, presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural de Ivinhema,

O prefeito Renato Câmara não mede esforços para motivar a diversificação agrícola. Para isso um caminhão utilitário, com um compartimento de carga especial, também está sendo adquirido pela Prefeitura de Ivinhema. O caminhão será entregue aos produtores de goiabas e estes vão poder colocar seus produtos no mercado a custos mais baixos.

Leia Também