Campo Grande - MS, quinta, 16 de agosto de 2018

religião

Irmã Dulce a um passo de se tornar santa

20 MAI 2011Por TERRA13h:02

A paciente Cláudia Cristiane Santos Araújo passou por um parto normal em 2001, num hospital de Sergipe. Após o parto, a paciente teve uma forte hemorragia. Passou por três cirurgias e os médicos não acreditavam mais na recuperação. Procedimentos teriam sido iniciados para emitir o atestado de óbito mas, ao saber da situação, o padre José Almir pediu que a imagem de Irmã Dulce fosse levada até o hospital, onde foram feitas orações. Durante as preces, a hemorragia teria sido contida e Cláudia saiu viva do hospital dias depois.

Esse milagre atribuído à Irmã Dulce impulsionou ainda mais a fé à religiosa, que encantou a Bahia e o País. Essa enorme devoção culminará no domingo com a cerimônia de beatificação, que ocorrerá no Parque de Exposições de Salvador. O evento deverá reunir 70 mil pessoas.

Batizada como Maria Rita de Sousa Brito Lopes Pontes, nasceu em 26 de maio de 1914. Transformou-se em Irmã Dulce após a sua ordenação como freira. Conhecida como o "Anjo bom da Bahia" por suas obras de caridade e assistência aos pobres, doentes e excluídos, Irmã Dulce, que morreu em 1992, está a um passo de se tornar oficialmente santa.

Leia Também