Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 18 de dezembro de 2018

AMEAÇA

Iodo radioativo é 3.355 maior que o normal no Japão

30 MAR 2011Por ESTADÃO00h:00
O nível de iodo radioativo encontrado na água do mar, a 300 metros ao sul da usina central de Daiichi, em Fukushima, no nordeste do Japão, é 3.355 vezes superior ao limite legal, informou na manhã desta quarta-feira, no horário local, a Agência de Segurança Nuclear e Industrial do país.
O diretor-geral adjunto da entidade, Hidehiko Nishiyama, minimizou os riscos de contaminação pela água do mar, apesar disso, a população local foi evacuada e no momento não há atividade pesqueira na região.
 
"O iodo 131 tem uma vida média de oito dias, e, mesmo levando-se em conta sua concentração na vida marinha, ele será dispersado antes de atingir as pessoas", disse Nishiyama, em coletiva de imprensa.
 
Segundo ele, a radioatividade na água do mar deve-se, provavelmente, ao fato de essa água estar sendo usada para resfriar os reatores de Daiichi. As informações são da Dow Jones.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também