sexta, 20 de julho de 2018

SEGURANÇA PÚBLICA

Investigações estão próximas de incriminar acusado que jogou granada em semi-aberto

13 DEZ 2010Por VIVIANNE NUNES E KARINE CORTEZ10h:24

As investigações sobre o atentado ocorrido no dia 05 de novembro com o arremesso de uma granada em unidade prisional semi aberta de Campo Grande estão prestes a chegar até o autor. A informação foi repassada ao Portal Correio do Estado na manhã de hoje pelo secretário de Justiça e Segurança Pública do Estado, Wantuir Jacini, em solenidade da Polícia Militar na Universidade Católica Dom Bosco (UCDB). “Nós temos ideia de quem seja, agora entre a convicção do saber e a prova é que está a diferença”, afirmou. Segundo ele, as investigações ainda estão em andamento, mas a polícia prefere não dar pistas sobre o suspeito para que a apuração não tome outro rumo.

O Caso

Uma granada foi arremessada para dentro do Estabelecimento Penal de Regime Aberto e Casa do Albergado em Campo Grande. O artefato foi jogado pela porta da frente e chegou a quebrar o vidro, mas não explodiu.
O grupo antibombas da Polícia Militar foi acionado e foi feita a destruição com contenção da granada, uma maneira de dar fim ao objeto com a utilização de sacos de areia ao redor da bomba.

Leia Também