terça, 17 de julho de 2018

Qualibest

Investidor brasileiro preza segurança e é conservador, revela pesquisa

29 NOV 2010Por Infomoney07h:49

Uma pesquisa realizada pela QualiBest, a pedido da plataforma Proxxima, revelou que 61% dos investidores são conservadores, o que significa que investem mais em produtos que tragam menos riscos.

Não é à toa que, quando questionados sobre o que é mais importante na hora de decidir como vai aplicar o dinheiro, 51% responderam ser a segurança ou saber que o dinheiro terá rendimento constante, sem grandes contratempos.

De acordo com os dados, outros 8% dos entrevistados disseram ser arrojados ou investirem mais em produtos de maior risco, como a bolsa de valores, enquanto 31% responderam estar em um meio termo entre conservador e arrojado.

O que avaliam
Ainda em relação ao que os investidores consideram mais importante ao decidir como aplicar, 21% responderam rentabilidade ou ter a possibilidade de melhor rendimento, independentemente do risco que a aplicação traga.

Outros 16% responderam que consideram mais importante o fato de poder mexer no dinheiro a qualquer momento, a chamada liquidez.

Além disso, 12% dos investidores que responderam à pesquisa disseram que consideram o mais importante a instituição - saber que onde estão investindo não vai quebrar de uma hora para a outra.

A pesquisa foi realizada com 565 pessoas, entre homens e mulheres, das classes A e B e com idade de 21 a 49 anos.
 

Leia Também