Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

Agropecuária

Invasão de javalis continua sem solução em MS

6 OUT 2010Por Carlos Henrique Braga03h:30

Medidas para evitar que ataques de javalis causem mais prejuízos à economia do Estado não foram definidas hoje em reunião do grupo de trabalho na Assembleia Legisltativa, como era esperado. A caça ainda é ilegal e a criação continua autorizada.

O grupo, formado no último dia 23, marcou mais reuniões. A próxima, no dia 14, deve decidir sobre o abate dos animais na Secretaria de Produção e Turismo (Seprotur). Segundo a secretária, Tereza Cristina Correa da Costa, não há fiscais suficientes para inspecionar a matança, caso seja liberada.

Nesta quinta, a Assembleia deve votar projeto de lei que proibe a criação em todo Mato Grosso do Sul. A proposta está em análise pelo deputado Paulo Corrêa (PR), e deve usar a região de Rio Brilhante, que concentra cerca de 50 mil animais, como laboratório.

Nos últimos meses, a invasão de javalis em lavouras de milho provocaram perdas de R$ 1,4 milhão, segundo estimativa do Sindicato Rural de Rio Brihante. O temor dos produtores de suinos é que o ataque dos animais às fêmeas domésticas transmita a pseudorraiva (aujeszky), o que fecharia as portas do mercado externo à carne do Estado.

Leia Também