EMPREGO

Inscrições para concurso do Mapa começam amanhã

Inscrições para concurso do Mapa começam amanhã
02/02/2014 00:00 - DA REDAÇÃO


Começam às 14h de amanhã (03) as inscrições para o concurso público do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que oferece 796 vagas para níveis fundamental, médio, técnico e superior. As inscrições devem ser feitas exclusivamente no site da Consulplan, no período de 3 de fevereiro a 6 de março de 2014. O valor da taxa de inscrição é de R$ 38,50 para nível fundamental, R$ 50 para nível médio e técnico e R$ 71 para nível superior.

São oferecidas vagas para Engenheiro Agrônomo (80), Farmacêutico (13), Químico (22), Veterinário (110), Zootecnista (07), Agente de Atividades Agropecuárias (50), Agente de Inspeção Sanitária e Industrial de Produtos de Origem Animal (100), Auxiliar de Laboratório (70), Técnico de Laboratório (184), Administrador (25), Agente Administrativo (110), Bibliotecário (02), Contador (06), Economista (04), Engenheiro (Civil ou Elétrico, 03 vagas), Geógrafo (03), Psicólogo (02) e Técnico de Contabilidade (05). As 46 vagas do total são para pessoas com deficiência. Os salários variam de R$ 2.818,02 a R$ 12.539,38 e a carga horária é de 40 horas.

Os candidatos realizarão provas objetivas e discursivas, previstas para o dia 4 de maio, em locais e horários divulgados a partir de 28 de fevereiro. Para os cargos de nível superior destinados às unidades do Laboratório Nacional Agropecuário (Lanagro), será realizada ainda avaliação de títulos.

O edital e outras informações sobre o concurso estão disponíveis na Central de Atendimento da Consulplan (www.consulplan.net), no e-mail atendimento@consulplan.com ou pelo telefone 0800 283 4628.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".