Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

RURAL

Iniciativa ensina pequeno produtor a gerir propriedade

6 MAI 2011Por da redação22h:30

"Aprendi a planejar e a dirigir meu próprio negócio”. A afirmação da produtora rural de Terenos/MS, Lucila Rezende de Queiroz, demonstra a importância das capacitações oferecidas gratuitamente pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS). Assim como Lucila, outros 21 produtores rurais da região de Terenos fazem parte de uma turma que está recebendo orientações sobre gestão da propriedade, por meio do Programa Negócio Certo Rural.

A iniciativa é realizada pelo Senar/MS em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/MS) e tem o objetivo de alavancar a economia familiar, tornando o pequeno negócio rural lucrativo por meio de ferramentas de gestão e empreendedorismo. Na última terça-feira (03.05), os participantes do curso em Terenos comemoraram o término dos encontros presenciais do Programa.

O evento contou com as presenças do superintendente do Senar/MS, Clodoaldo Martins, e da coordenadora do Negócio Certo Rural em Mato Grosso do Sul, Leila Maciel. “Sabemos que todos aqui são bons produtores rurais, porém, na hora de fazer a contabilidade da empresa, encontram dificuldades. O Programa tem o objetivo de levar essas ferramentas que faltam. Queremos que a propriedade de vocês dê lucro”, ressaltou Clodoaldo. O curso segue agora para a etapa de consultorias individuais.

Durante todo o treinamento, os participantes são estimulados a fazer um diagnóstico de sua propriedade para avaliar a alternativa mais rentável e lucrativa. “Nós fazíamos o controle financeiro de uma forma mais rústica, não dava para ter certeza dos gastos. Com as orientações do curso, ficou muito mais fácil para a gente”, explicou a produtora de leite do assentamento Paraíso, Lourdes Duarte do Espírito Santo.

O Programa possui sete etapas totalizando 36 horas de capacitação nas quais os produtores recebem orientação de planos de negócios e formalização de empresas, além de noções de mercado. Na etapa que inclui consultorias individualizadas, os técnicos do Senar/MS fazem visitas nas propriedades participantes.

A capacitação também proporcionou reflexão aos participantes. “Eu aprendi a dar mais valor na minha produção. O curso fez com que entendêssemos que nosso negócio é uma empresa rural”, destaca a produtora de leite Lucila Rezende. O objetivo não é apresentar a solução pronta, mas fazer com que o próprio produtor identifique pontos positivos e negativos e tome a decisão que fará do seu pequeno negócio uma atividade lucrativa. “Usando essas ferramentas, eu vou poder ter certeza de que aquilo que estou fazendo vai dar certo”, enfatiza Lucila.

Em todo o Estado, a meta para esse ano é que sejam capacitadas cerca de 60 turmas, formando em média 1800 produtores oriundos de 900 propriedades rurais. Além de Terenos, já estão recebendo o Programa os municípios de Dourados, Ponta Porã, Amambai, Anastácio, Brasilândia, Glória de Dourados, Inocência, Jaraguari, Ladário, Laguna Carapã, Maracaju, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Paranaíba, Rio Verde de Mato Grosso, Santa Rita do Pardo e Sidrolândia.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também