Quarta, 13 de Dezembro de 2017

em 30 dias

Infestação por mosquito da dengue dobra na Capital

16 JAN 2014Por Lúcia Morel00h:00

A infestação de dengue aumentou significativamente em Campo Grande em bairros onde o índice era baixo. Na comparação do Levantamento de Índice Rápido do Aedes Aegypti (LIRAa) divulgado em novembro de 2013 e o que acaba de ser finalizado, há menos bairros sob risco de epidemia, no entanto, regiões onde a infestação era menor que 2%, agora está muito alta, chegando a até 5,3% a cada 100 imóveis. O preconizado pelo Ministério da Saúde é ficar abaixo de 1%.

Chamam atenção os bairros Cruzeiro e São Francisco. Nestes locais índice de infestação alcança 5,3%, marca que não havia sido registrada em nenhuma região em todo ano passado, quando houve epidemia da doença. No último levantamento, essas mesmas localidades estavam com apenas 1,9% de infestação.

Bairros que também estão em alerta vermelho para a dengue são nobres como o Chácara Cachoeira, Santa Fé e Autonomista, com 4,2% cada um. No fim do ano passado, a infestação neles era de 3% a cada 100 imóveis pesquisados. 

Leia Também