Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

manifestação

Índios negociam fim de protesto com coordenador regional da Funai

18 MAI 2011Por EVELIN ARAUJO E DANÚBIA BUREMA09h:43

O coordenador regional da Funai Edson Fagundes e o chefe de serviço de monitoramento ambiental e territorial da Funai Ricardo Araújo negociam com os índios a liberação da rodovia BR-163, que acontece desde às 4h de hoje.

Os índios pedem o cumprimento da portaria 3079, de 27 de setembro do ano passado, publicada no dia 28 de setembro de 2010, que declara a posse permanente dos índios a Terra Indígena Buriti, "com superfície aproximada de 17.200 hectares e perímetro aproximado de 78  quilômetros", localizada na margem esquerda do Córrego Buriti, na divisa comum das fazendas São Sebastião e Fazenda Nossa Senhora Aparecida. 

A negociação já dura cerca de 50 minutos e é pacífica. 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que cerca de 20 policiais do Grupo de Choque do Núcleo de Operações Especiais da Polícia Rodoviária Federal estão se preparando irem ao local de interdição da BR-163, onde índios Terenas bloqueiam a passagem desde esta madrugada. A iniciativa, em princípio, é pacífica e preventiva.

Atualizada às 10h04min para acréscimo de informações 

Leia Também