Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Indígena estrangulada em aldeia

23 ABR 10 - 07h:28
EDILSON JOSÉ ALVES, PONTA PORÃ

A indígena Alzira Batista, de 39 anos, foi vítima de assassinato, por estrangulamento. O crime foi registrado na noite de quarta-feira, na Aldeia Taquapery, no município de Coronel Sapucaia, região de fronteira com o Paraguai. O marido dela Rubens Recalde, 42 anos, é apontado como o autor do homicídio.
Conforme as informações policiais, testemunhas informaram que Rubens chegou embriagado na noite de quarta-feira em sua casa e logo iniciou uma discussão com a esposa Alzira. Com os ânimos acirrados ele segurou e começou a pressionar o pescoço da mulher, interrompendo o fluxo de oxigênio para o cérebro provocando a sua morte. Em seguida ele tentou fugir, mas foi contido pelos moradores da aldeia que acionaram imediatamente a Polícia Militar. O indígena foi detido e encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Coronel Sapucaia onde foi autuado em flagrante e, posteriormente, transferido para uma cela do Estabelecimento Penal de Amambai.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

MUDANÇA

Serviços sociais e conselhos tutelares atendem em novos números

Conselho Centro teve mudança no telefone, demais continuam os mesmos
Campo Grande registra aumento de casos de tuberculose
DOENÇA

Campo Grande registra aumento de casos de tuberculose

Comercial minimiza vantagem <br>sobre o Corumbaense
ESTADUAL

Comercial minimiza vantagem sobre o Corumbaense

Ministro da Saúde participa de entrega de duas UBS em Bandeirantes
MELHORIA

Ministro da Saúde participa de entrega de duas UBS em Bandeirantes

Mais Lidas