Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Indígena estrangulada em aldeia

23 ABR 10 - 07h:28
EDILSON JOSÉ ALVES, PONTA PORÃ

A indígena Alzira Batista, de 39 anos, foi vítima de assassinato, por estrangulamento. O crime foi registrado na noite de quarta-feira, na Aldeia Taquapery, no município de Coronel Sapucaia, região de fronteira com o Paraguai. O marido dela Rubens Recalde, 42 anos, é apontado como o autor do homicídio.
Conforme as informações policiais, testemunhas informaram que Rubens chegou embriagado na noite de quarta-feira em sua casa e logo iniciou uma discussão com a esposa Alzira. Com os ânimos acirrados ele segurou e começou a pressionar o pescoço da mulher, interrompendo o fluxo de oxigênio para o cérebro provocando a sua morte. Em seguida ele tentou fugir, mas foi contido pelos moradores da aldeia que acionaram imediatamente a Polícia Militar. O indígena foi detido e encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Coronel Sapucaia onde foi autuado em flagrante e, posteriormente, transferido para uma cela do Estabelecimento Penal de Amambai.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Por duas bolas em campo, Fortaleza quer impugnar jogo contra o Fla
BRASILEIRÃO 2019

Por duas bolas em campo, Fortaleza quer impugnar jogo contra o Fla

Ministério anuncia que bloqueio de verbas de universidades chegou ao fim
EDUCAÇÃO

Ministério anuncia que bloqueio de verbas de universidades chegou ao fim

Parada Nerd continua até domingo, com a presença de dubladores e estande de games
CULTURA POP

Parada Nerd continua até domingo, com a presença de dubladores e estande de games

Setor turístico comemora fim da bitributação
IMPOSTO

Setor turístico comemora fim da bitributação

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião