quarta, 18 de julho de 2018

ESCOLHA AO BANCO CENTRAL

Indicação de Tombini pode ser votada hoje

7 DEZ 2010Por AGÊNCIA SENADO07h:29

A mensagem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com a indicação de Alexandre Tombini para o cargo de presidente do Banco Central deverá ser o principal item da pauta do Plenário nesta semana, de acordo com informações da liderança do governo.

Alexandre Tombini é diretor de Normas e Organização do Sistema Financeiro do BC desde 1996. Ele foi escolhido pela presidente eleita, Dilma Rousseff, para substituir Henrique Meirelles na presidência da instituição.

A mensagem com a indicação de Tombini foi lida em Plenário na última sexta-feira (3). Ele será sabatinado pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) na terça-feira (7) e, no mesmo dia, a matéria poderá ser enviada ao Plenário.

Medidas Provisórias

Ainda de acordo com a previsão da liderança do governo, a Medida Provisória 499/10, que tranca a pauta e impede a apreciação de outras matérias, só deverá ser votada na próxima semana. O mesmo deverá acontecer com a MP 500/10, que foi votada pela Câmara dos Deputados na semana passada e aguarda leitura no Senado.

A MP 499/10 reestruturou cargos no Ministério da Defesa, criando o cargo de chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, entre outras medidas. Já a MP 500/10 autorizou a União e as entidades da administração pública direta ou indireta, assim como o Fundo Soberano do Brasil (FSB), a adquirir ações reciprocamente. De acordo com informações da Agência Câmara, a matéria viabilizou o processo de capitalização da Petrobras.
O governo não tem pressa na votação dessas MPs, já que elas expiram apenas em fevereiro.

Leia Também