Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

DÍVIDAS

Inadimplência do consumidor cai em fevereiro

Inadimplência do consumidor cai em fevereiro
13/03/2014 16:10 - Agência Brasil


O número de pessoas que deixaram de pagar suas dívidas caiu 1,7% em fevereiro na comparação com janeiro, de acordo com o Indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor. Na comparação com fevereiro do ano passado, o indicador caiu 2,3%. Este foi o nono recuo consecutivo no mês de fevereiro. No primeiro bimestre do ano houve queda também em relação ao mesmo período do ano passado (3,2%).

As dívidas com os bancos caíram 3,2% e com os cheques sem fundos 10,8%. Os dois itens foram os que mais contribuíram para a queda no índice em fevereiro. Os títulos protestados caíram 16,7%. A inadimplência não bancária (cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços como telefonia, fornecimento de energia elétrica e água etc.) apresentou crescimento de 2,6%.

De acordo com os economistas da Serasa Experian, a inflação em alta, os aumentos sucessivos das taxas de juros e o crescimento mais fraco da economia contribuem para tornar mais lenta a queda da inadimplência do consumidor. Segundo eles, a queda de um mês, comparada à do mesmo mês do ano anterior, é menor desde outubro do ano passado.

Felpuda


Ao que tudo indica, partido teria criado “racha” apenas visando jogar para a plateia, e, assim, quem estava com a corda toda anunciou que se prepara para o desembarque. Nos bastidores o que se ouve é que o tal fundo partidário seria o motivo da desavença e que quem nunca comeu mel quando come se lambuza. Só que não. A estratégia é continuar “dono” da atual legenda e “tomar a frente” de partido que está em fase embrionária. Tudo inspirado na “velha política”.