Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

fevereiro

Inadimplência com cheques acelerou 1,83%

21 MAR 2011Por infomoney08h:44

O volume de cheques devolvidos no País voltou a subir no segundo mês deste ano, segundo dados do Indicador Serasa Experian de Cheques Sem Fundo, divulgado nesta segunda-feira (21).

A inadimplência com cheques em geral acelerou para 1,83% em fevereiro, alta de 0,13 ponto percentual frente a janeiro. Neste mês, pelas contas da instituição, foram devolvidos 1,49 milhão de cheques.

No mesmo período de 2010, no entanto, o percentual registrado foi de 1,85%. No segundo mês do ano passado, de acordo com a Serasa, foram devolvidos 1,60 milhão de cheques, conforme mostra a tabela abaixo:

 Período  Percent. Devolvidos   Tot. Devolvidos  Tot. Compensados
Fev/11 1,83% 1,49 milhão 82,01 milhões
Jan/11 1,70% 1,44 milhão 84,92 milhões
Fev/10 1,85% 1,60 milhão 86,69 milhões

Preferências Segundo os economistas da Serasa Experian, os cheques sem fundos voltaram a subir em fevereiro 2011, na comparação com janeiro, por conta do maior comprometimento de renda do consumidor com dívidas. Neste período, as compras parceladas no Natal, os gastos nas férias e as despesas típicas de início de ano (IPTU, IPVA e despesas escolares) pressionam o orçamento familiar e abrem espaço para os cheques sem fundos.

Além disso, a política monetária voltada para o controle da inflação, via elevação dos juros, tem impactado as finanças daqueles consumidores mais endividados, que se financiam com dívidas mais caras, a exemplo do cheque especial e do rotativo do cartão de crédito, deixando menos recursos disponíveis para o pagamento de outros compromissos.
 

Leia Também