Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

APELO À NAÇÃO

Imperador Akihito pede calma aos japoneses

16 MAR 2011Por g107h:55

O imperador Akihito usou a TV para falar aos japoneses nesta quarta-feira (16). Em discurso de tom dramático, disse que está rezando pelas vítimas e pediu calma à população.

Foi a primeira aparição de Akihito desde os desastres naturais que devastaram parte do Japão, na última sexta (11), deixando, segundo último balanço oficial, 3.373 mortos, 1.897 feridos e 6.746 desaparecidos.

As estações de televisão interromperam a programação para que o imperador, que raramente usa esse veículo de comunicação, falasse aos japoneses.

“Espero, do fundo do coração, que as pessoas dêem as mãos, se tratem com compaixão e consigam ultrapassar estes tempos difíceis”, disse Akihito, de 77 anos.

O imperador japonês afirmou que está “profundamente preocupado” com a crise nuclear que o país enfrenta e disse estar rezando pela segurança de todos. Akihito afirmou também que está preocupado com a “natureza imprevisível” da situação na central nuclear de Fukushima, danificada desde o grande terremoto seguido por tsunami.

Leia Também