Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

FGV

IGP-M sobe 5,51% no ano <br>e fica abaixo de 2012

IGP-M sobe 5,51% no ano <br>e fica abaixo de 2012
27/12/2013 15:15 - folhapress


Mesmo com a aceleração de dezembro, em razão do reajuste dos combustíveis, e alta do dólar no ano, o IGP-M encerrou 2013 com variação inferior à do ano passado.

O índice é usado como referência para os reajustes nos contratos de aluguel e serve de parâmetro para concessionárias de rodovias e energia elétrica.

Com um avanço de 0,6% -em linha com a previsão do mercado e acima dos 0,29% de novembro-, a variação no ano ficou em 5,51%. Em 2012, o índice havia tido uma elevação de 7,82%, a mais alta desde 2010.

Economistas já esperavam uma desaceleração para este ano por um alívio no preço dos alimentos e matérias-primas. As previsões para o indicador pouco variaram ao longo do ano, ao contrário das expectativas para o PIB. Começaram em 5,26% e terminaram o ano em 5,46%.

Produtos agrícolas no atacado, vilões da expressiva alta no ano passado, cederam em 2013 com a evolução mais moderada das cotações nos mercados externos. Houve queda de 1,1% nos preços desse grupo neste ano depois do avanço de 18,8% em 2012.

O avanço só não foi menor no atacado porque os produtos industrias, mais relacionados ao ritmo da economia, cresceram com mais força: 7,82%, ante os 5,03% no ano passado. 

Felpuda


Paixão política que extrapola o bom senso, chega nas redes sociais e se transforma em baixaria pode resultar em prejuízo no bolso. Isso foi o que aconteceu com autor de texto nada elogioso contra colega por diferenças em apoio a candidatos nas eleições de 2016. O dito-cujo foi condenado a pagar indenização de R$ 7 mil, com correção monetária e juros mensais a partir da publicação da sentença, além dos honorários advocatícios. Detalhe: os adversários daquela época hoje andam de braços dados. Pode?