Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 20 de novembro de 2018

ALERTA

Ibama registra aumento de 70,4% nas queimadas

17 JUL 2012Por DANIELLA ARRUDA00h:00

A menos de duas semanas para começar o período mais seco do ano, propício para a “temporada” de queimadas, número de focos de calor detectados em Mato Grosso do Sul já está 70,4% maior entre junho e julho deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado. Enquanto em 2011 foram constatados 169 focos (108 em julho), neste ano os focos somaram 288, 192 somente do dia 1º deste mês até ontem, conforme estatísticas do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

De acordo com informações do coordenador do Centro Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (Prevfogo) do Ibama em Mato Grosso do Sul, Márcio Yule, houve mudança no sistema de monitoramento por satélite a partir de agosto do ano passado — o NOAA-15, que captava informações nos fins de tarde, foi substituído pelo NOAA-Aqua, que passa mapeando o Estado no horário das 12h às 14h, considerado mais crítico —, o que pode ter influenciado nas estatísticas.

Por esse motivo, explica, só será possível ter um comparativo real das estatísticas a partir do mês que vem. Mesmo assim, é esperada uma explosão de queimadas a partir de agosto, com o acirramento do período de estiagem.

Leia mais no jornal Correio do Estado
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também