Quarta, 21 de Fevereiro de 2018

VÍTIMAS

Hospital libera sete de 11 feridos em acidente em BH

29 JAN 2011Por ESTADÃO18h:44

Sete dos 11 feridos em um acidente que deixou ainda cinco mortos no Anel Rodoviário de Belo Horizonte foram liberados hoje do Hospital de Pronto-Socorro João XXIII (HPS), na capital mineira. O acidente ocorreu na noite de ontem, quando uma carreta carregada com 37 toneladas de trigo atingiu ao menos 15 veículos na rodovia.

Segundo a Polícia Militar Rodoviária, a carreta trafegava em alta velocidade e, na altura de um viaduto próximo ao bairro Betânia, se deparou com uma fila de carros formada devido a um afunilamento que existe que na pista.

O motorista, identificado como Leonardo Faria, não conseguiu parar e atingiu os veículos - outra carreta e 14 carros menores, de acordo com a PM. Ainda segundo a polícia, ele teria tentado fugir do local, mas foi impedido por moradores da região e está preso.

Quatro pessoas, incluindo Ana Flávia Migliorança Gibosky, de 2 anos, morreram no local. Ela passava férias em Belo Horizonte e estava na cadeirinha apropriada, mas não resistiu à violência da colisão. Um homem chegou a ser levado de helicóptero para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

No início da tarde de ontem, quatro corpos continuavam no Instituto Médico-Legal (IML) de Belo Horizonte. Já no HPS continuavam internadas quatro pessoas, sendo que o caso mais preocupante é o de uma menina de 4 anos, internada em estado grave.

Construído na década de 1950, o Anel Rodoviário de Belo Horizonte é palco constante de acidentes. No ano passado, segundo a polícia, 39 pessoas morreram em acidentes na estrada. Os 27 quilômetros da rodovia ligam as saídas da capital mineira para o Espírito Santo, Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro.



Leia Também