Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SÃO GABRIEL DO OESTE

Homem mata ex-esposa na frente da sogra e do filho de 3 anos

Homem mata ex-esposa na frente da sogra e do filho de 3 anos
24/03/2011 07:03 - Evelyn Souza e Vivianne Nunes


Carlos Machado Guedes, de 43 anos assassinou a ex-esposa de 34 anos por volta das 18h desta quarta-feira (23) no bairro Jardim Gramado, em São Gabriel do Oeste. Ela estava com o filho do casal de três anos de idade quando foi atingida por três tiros de uma arma calibre 38. Um dos disparos foi efetuado na testa e o outro, no ouvida da vítima. A informação é do comandante da Polícia Militar de São Gabriel, tenente Reinaldo Ferreria e segundo ele, a mulher vinha sendo ameaçada pelo agressor desde sexta-feira, mas não tinha coragem de denunciá-lo.

Depois de cometer o crime ele colocou a arma na própria cabeça e puxou o gatilho, tentando o suicídio. Carlos foi levado para o Hospital Municipal de São Gabriel e em seguida transferido às pressas para a Santa Casa de Campo Grande.

Márcia Alves morreu na hora. A mãe da dela, uma senhora de 54 anos presenciou a cena do crime.

Dívida com a Justiça

Em entrevista ao Portal Correio do Estado, o tenente afirmou que o acusado já tinha dois mandados de prisão em aberto expedidos contra ele pela Comarca de Rio Verde, onde responde por homícidio.

Alerta

Tenente Reinaldo alerta sobre a necessidade das mulheres em denunciar abusos cometidos pelos companheiros ou maridos. "Se ele for violento, denuniem por que a tendênia é fazer sempre o pior. Mulheres vítimas de agressão, humilhação, ameaças, procurem a polícia, não tenham dó e aprendam a se amar em primeiro lugar". afirmou. Segundo ele, o município de São Gabriel do Oeste não tinha registro de homicídio há 15 meses.

(Atualizada às 9h21min para acréscimo de informações)


 

Felpuda


Considerados “traíras” por terem abandonado o barco diante dos indícios da chegada da borrasca à antiga liderança, alguns pré-candidatos terão de se esforçar para escapar da, digamos assim, vingança, velha conhecida da dita figurinha. Dizem por aí que há promessas nesse sentido, para que os resultados dos “vira-casacas” nas urnas sejam pífios. Sabe aquela velha máxima: “Pisa. Mas, quando eu levantar, corre!” Pois é...