sexta, 20 de julho de 2018

HOMICÍDIO

Homem executado na periferia de Ponta Porã

23 OUT 2010Por EDILSON JOSÉ ALVES03h:33

Dois pistoleiros armados com fuzis executaram um homem no final da tarde de ontem no Bairro São João, periferia de Ponta Porã. Os atiradores estavam encapuzados e chegaram ao local em um veículo Vectra com placas paraguaias. A vítima, que teve um irmão morto nas mesmas circunstâncias no último mês de maio, foi atingida com quatro tiros e morreu instantes depois de dar entrada no Hospital Regional.

Conforme as informações da Polícia Civil, por volta das 16h30min, dois homens encapuzados e com fuzis pararam o veículo Vectra na frente de uma borracharia situada na Rua Policarpo D’ávila, no Bairro São João, iniciando nesse momento um tiroteio. O proprietário do estabelecimento comercial, Eder de Almeida Moraes, foi atingido com pelo menos quatro disparos.

De acordo com a polícia, os tiros atingiram o peito, dois nas costas e um no braço. Eder ainda teria tentado correr, mas caiu do lado de fora da borracharia em estado gravíssimo. Várias pessoas que estavam nas imediações, ao ouvir os disparos, correram com medo de serem atingidas. Os pistoleiros fugiram em alta velocidade.

Eder foi socorrido por uma equipe do Corpo de Bombeiros e deu entrada em estado gravíssimo no pronto-socorro do Hospital Regional, mas cerca de uma hora depois não resistiu e morreu. A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o caso.

O irmão de Eder, Edson Almeida Moraes, também foi morto a tiros. Ele foi alvejado por vários disparos no dia 28 de maio deste ano quando passava por uma avenida no centro de Ponta Porã. A polícia acredita que os dois crimes foram executados pelos mesmos pistoleiros e podem estar relacionados a acerto de contas.

Leia Também