Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

Há quem diga que o conflito entre as polícias não é de agora. Policial...

21 ABR 2011Por Ester Figueiredo00h:00

Há quem diga que o conflito entre as polícias não é de agora. Policial civil, hoje aposentado, conta que certa vez sua equipe prendeu um homem que era irmão de um PM. Este foi à delegacia com alguns colegas para “resgatar” o mano. No auge da discussão e ânimos alterados, alguém fez a proposta de resolverem no braço. De comum acordo, as armas foram trancadas nas gavetas e a briga na sala foi espetacular. Resultado: o rapaz continuou preso.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também