Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ARGENTINA

Grupo promove quebra-quebra após morte de jovem em Buenos Aires

Grupo promove quebra-quebra após morte de jovem em Buenos Aires
01/03/2014 11:15 - FOLHAPRESS


O bairro Saavedra, em Buenos Aires, viveu uma madrugada de violência ontem.
Revoltados com a morte de um amigo durante uma perseguição policial no local, um grupo de 50 pessoas do assentamento Mitre, onde o jovem morto vivia, resolveu protestar de maneira nada pacífica.

As pessoas jogaram bombas de coquetel molotov em carros que estavam estacionados na rua e atiraram pedras destruindo a fachada de diversos imóveis.

Depois, escalaram o portão de um edifício, invadiram a garagem e destruíram vários veículos. Também tentaram roubar algumas motos

Um morador contou que as pessoas, que tinham o rosto coberto com camisetas e seguravam paus e pedras nas mãos, ameaçaram colocar fogo no prédio.

Segundo a polícia, o rapaz morto era suspeito de ter cometido alguns assaltos e não acatou à ordem de prisão. Teria assim começado uma perseguição com troca de tiros, e ele acabou sendo baleado. 

Felpuda


Ao que tudo indica, partido teria criado “racha” apenas visando jogar para a plateia, e, assim, quem estava com a corda toda anunciou que se prepara para o desembarque. Nos bastidores o que se ouve é que o tal fundo partidário seria o motivo da desavença e que quem nunca comeu mel quando come se lambuza. Só que não. A estratégia é continuar “dono” da atual legenda e “tomar a frente” de partido que está em fase embrionária. Tudo inspirado na “velha política”.