Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Paralisação

Greve no IBGE impede divulgação de pesquisa sobre emprego

26 JUL 12 - 13h:42G1

A Pesquisa Mensal de Emprego do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), foi divulgada na manhã desta quinta-feira (26) sem todos os dados que tradicionalmente a compõe. Isso porque os funcionários do IBGE estão em greve e os dados do Rio de Janeiro, apesar de terem sido coletados, não puderam ser analisados. Com isso, não foi possível divulgar a média nacional da taxa de desocupação.

Foram divulgados os dados das regiões metropolitanas de São Paulo, Recife, Salvador, Belo Horizonte e Porto Alegre. Em junho, a taxa de desemprego caiu na região metropolitana de Belo Horizonte, segundo a pesquisa. O recuo foi de 0,6 ponto percentual sobre o mês anterior, de 5,1% para 4,5%.

Segundo a diretora do sindicato nacional dos servidores do IBGE, Susana Drumond, a greve é nacional e começou em 18 de junho, atingindo atualmente uma adesão de 60% da categoria.

Ela explicou que a principal reivindicação do movimento é o reajuste de 22%, e a abertura de concurso público, pois, de acordo com Susana, o IBGE tem no país 6.600 trabalhadores efetivos e mais de 4 mil temporários.

No Rio, são 3.500 efetivos e 450 temporários. O salário inicial fica em torno de R$ 5 mil e um funcionário em fim de carreira pode ganhar R$ 10 mil, explicaram os grevistas.
 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

AGRICULTURA E JUSTIÇA

Ministérios assinam acordo para combater abusos no crédito agrícola

Bombeiros confirmam terceira morte em desabamento em Fortaleza
PRÉDIO RUIU

Bombeiros confirmam terceira morte em desabamento em Fortaleza

IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

Juiz extingue ação contra Alckmin por supostos desvios de R$ 3 bi do Fundeb

Flamengo bate o Fortaleza de virada e segue disparado na liderança
BRASILEIRÃO

Flamengo bate o Fortaleza de virada e segue disparado na liderança

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião