Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

LIBERTADORES

Grêmio joga hoje contra Junior na Colômbia

7 ABR 2011Por g110h:07

Com 7 pontos conquistados, três à frente do peruano León de Huánuco, o Grêmio precisa apenas de um empate para assegurar nesta noite de quinta-feira a vaga antecipada nas oitavas de final da Taça Libertadores.

Pelo Grupo 2, os tricolores recebem às 19h15m o Junior Barranquilla - líder da chave com 12 pontos - no Estádio Olímpico.

Os colombianos têm a melhor campanha da competição por aproveitamento, enfileirando quatro vitórias por 2 a 1, com 100% de aproveitamento.

A duas rodadas do fim da fase de grupos, as chances gremistas de chegar ao 1º lugar são remotas - além de vencer nesta quinta, precisará ainda derrotar o lanterna Oriente Petrolero na Bolívia, e torcer para o León de Huánuco contra o Junior, em Barranquilla.

O Sportv transmite ao vivo o confronto. Apita o jogo Héctor Baldassi, auxiliado por Ricardo Casas e Diego Bonfa (trio argentino). Grêmio: antecipar a classificação às oitavas de final e, quem sabe, manter a esperança de chegar à liderança na última rodada.

Junior Barranquilla: garantidos no mata-mata desde a rodada passada, os colombianos querem apenas abrir distância na classificação geral, para obter vantagens nas fases seguintes.Grêmio: Carlos Alberto foi liberado para resolver problemas particulares no Rio de Janeiro. André Lima e Júnior Viçosa seguem no departamento médico. Leandro e Willian Magrão não foram inscritos na fase de grupos da Libertadores. E Gilson perdeu lugar no time titular.

Com os desfalques, Renato Gaúcho confirmou a equipe, escalando Victor; Gabriel, Rafael Marques, Rodolfo e Bruno Collaço; Fábio Rochemback, Adilson, Lúcio e Douglas; Escudero e Borges.

Junior Barranquilla: Héctor Quintabani não conta com jogadores importantes. Estão fora Jossymar Gómez, Luis Carlos Ruiz, Shermán Cárdenas, Jhon Viáfara e Luis Páez.

O time provável tem Sebastián Viera; César Fawcett, Sergio Otálvaro, Juan Valencia e Carlos Rodríguez; Harold Macías, Braynner García, Giovanni Hernández e Víctor Cortés; Carlos Bacca.

Leia Também