Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Jovens

Gráfico mostra para onde estão indo quem têm deixado o Facebook

6 JAN 14 - 08h:50administradores

No finalzinho de 2013, o CFO do Facebook, David Ebersman, admitiu que a rede tem perdido usuários na faixa dos 16 aos 19 anos. Somente nos EUA, a queda foi de 16%. Mas para onde estão indo esses jovens? Simplesmente deixaram de usar redes sociais? Claro que não. Eles estão cada vez mais conectados, por um tempo cada vez maior. E se o Facebook não garante um diálogo imediato, eles vão procurar alternativas. E essas novas possibilidades estão nos celulares.

O Global Web Index estudou o crescimento dos aplicativos sociais móveis no período em que o Facebook registrou sua queda e montou um ranking com os principais prováveis destinos dos emigrantes da rede. E o líder da lista é o WeChatt, app chinês de mensagens instantâneas semelhante ao WhatsApp que se tornou febre no mundo. Para se ter uma ideia de quanto o aplicativo cresceu, o estudo não contabilizou dados de usuários da China. Messmo assim, o crescimento na faixa de 16 a 19 anos entre janeiro e setembro de 2013 foi de 1021%.

Veja abaixo o gráfico com o percentual de crescimento dos aplicativos móveis e redes sociais que cresceram na faixa de 16 a 19 anos no período em que o Facebook perdeu terreno junto ao mesmo público:

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Especial da Globo tem sábios conselhos do experiente Milton Gonçalves
CANAL 1 - FLÁVIO RICCO

Especial da Globo tem sábios conselhos do experiente Milton Gonçalves

Exposição tem obra de arte com inspiração na cultura sul-mato-grossense
DESIGN SENSORIAL

Exposição tem obra de arte com inspiração na cultura sul-mato-grossense

Lima terá efetivo de 10 mil agentes durante decisão entre Flamengo e River Plate
LIBERTADORES

Lima terá efetivo de 10 mil agentes durante decisão entre Flamengo e River Plate

CLÁUDIO HUMBERTO

“Enfatizo... a impossibilidade de geração de RIFs por encomenda”

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião