Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

segunda, 18 de fevereiro de 2019 - 17h39min

Governo volta a cobrar taxa de movimentação do carvão em MS

24 ABR 10 - 06h:08
Carlos Henrique Braga

Passado o pior da crise, os setores carvoeiro e siderúrgico de Mato Grosso do Sul voltam a pagar valores integrais da Taxa de Transporte e Movimentação de Produtos e Subprodutos Florestais (TMF), criada em 2007. De acordo com o governo estadual, os efeitos da retração financeira internacional sobre os setores socioeconômicos que dependem do carvão vegetal já foram sanados.
O Decreto nº 12.970, publicado no último dia 23, estabelece contribuição de R$ 0,50, valor básico, para produtos ou subprodutos com origem em florestas de produção, resíduos de erradicação ou de poda de culturas, pomares ou arborização urbana para fabricação de carvão vegetal.
Já a taxa para produtos ou subprodutos originados por supressão de vegetação nativa ou aproveitamento de material lenhoso de supressão de vegetação para carvão vegetal foi fixada em R$ 1,50.
O governo cedeu à pressão do setor e reduziu as taxas em março do ano passado, momento crítico da retração econômica mundial. No primeiro período, o desconto foi de 60%, passando para 40% em novembro e 30% em fevereiro de 2010.
O setor de carvão vegetal gera 25 mil empregos diretos e indiretos em MS, de acordo com informações do Sindicato das Indústrias e Produtores de Carvão Vegetal (Sindicarv). Cerca de 300 empresas produzem 400 mil metros de carvão (MDC) por mês — metade da produção é vendida para Minas Gerais.
Ainda segundo o sindicato, o setor representa 5% do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado, e movimenta R$ 750 milhões por ano, deixando R$ 60 milhões para o governo em forma de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS).
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Governo exonera ministro Gustavo Bebianno

Governo exonera ministro Gustavo Bebianno

Acidente em cruzamento tem capotamento e deixa dois feridos
TENTOU DESVIAR

Acidente em cruzamento tem capotamento e deixa dois feridos

Reparos na ponte da Panambi Vera começam esta semana
INTERDIÇÃO CHUVAS

Reparos na ponte da Panambi Vera começam esta semana

PREFEITURA

Atos Oficiais do município de Campo Grande 18/02/2019

Mais Lidas