Domingo, 25 de Fevereiro de 2018

RECEITA E DESPESA

Governo quer zerar déficit nominal

3 JAN 2011Por AGÊNCIA BRASIL10h:37

 O déficit nominal zero é uma meta que certamente será perseguida na gestão da presidente Dilma Rousseff, afirmou Paulo Bernardo, que assume hoje (3) o Ministério das Comunicações. A afirmação foi feita na cerimônia de transmissão do cargo de ministro do Planejamento para Miriam Belchior.

“Se não tivesse o advento da crise [financeira internacional de 2008 e 2009], o governo teria zerado o resultado nominal, ainda em 2010. É uma meta que certamente vai ser perseguida”, disse Paulo Bernardo.

O resultado nominal é a diferença entre receitas e despesas, incluídos os gastos com pagamento de juros da dívida.

Segundo Paulo Bernardo, será um “desafio fantástico” conhecer a nova área de atuação. “Um área que não tenho domínio, mas é um desafio fantástico que temos que vencer”. Ele lembrou que permaneceu por quase seis anos no Ministério do Planejamento.

 “O presidente Lula teve sorte, mas teve políticas que determinaram o bom resultado [econonômico] que tivemos”, acrescentou.

Leia Também