Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

NAVIRAI

Governo lança obras de saneamento nesta terça

Governo lança obras de saneamento nesta terça
04/02/2014 00:00 - DA REDAÇÃO


O governador André Puccinelli e o presidente da Sanesul, José Carlos Barbosa, assinam ordens de serviço e autorização para licitação de obras de saneamento nesta terça-feira (4), em Naviraí (MS). Os investimentos totalizam R$ 5,4 milhões, de recursos próprios e federais, e beneficiam os sistemas de abastecimento de água (SAA) e de esgotamento sanitário (SES) do município.

Serão assinadas três ordens de serviço. A primeira, no valor de R$ 701 mil, de recursos próprios, abrange a construção de um novo escritório de atendimento ao cliente e a construção de um novo laboratório. A segunda OS, no valor de quase R$ 4,2 milhões, é destinada à ampliação do SES, com a implantação de 35 quilômetros de rede coletora de esgoto e 1.843 ligações domiciliares. Os recursos são provenientes do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), via Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

Também será assinada ordem de serviço para execução um quilômetro de rede coletora de esgoto e 30 ligações domiciliares de esgoto. Os recursos são próprios, no valor de R$ 134 mil. Governo do Estado e Sanesul também autorizam abertura de licitação para melhoria do sistema de esgotamento sanitário, com a reabilitação da estação de tratamento de esgoto (ETE). O valor investido é de R$ 400 mil, de recursos da Sanesul.

A cerimônia será realizada às 15h15, no Condomínio Deputado Federal Nelson Trad, localizado no bairro Belo Horizonte.

Felpuda


Prefeitura de município do interior de MS recebeu recomendação do Ministério Público do Estado no sentido de exonerar servidores comissionados, livres do cartão de ponto, que são parentes de secretários da administração e de vereadores. O nepotismo se tornou um excelente “negócio” por lá, e se até o dia 6 de agosto as devidas providências não forem tomadas, medidas serão adotadas, como ação por improbidade administrativa. Tem gente que não aprende mesmo, né?