Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CONFLITO

Governo federal vai manter valor de R$ 78 milhões por terra indígena

Governo federal vai manter valor de R$ 78 milhões por terra indígena
27/02/2014 00:00 - Patrícia Belarmino


A reunião esperada para hoje (27) entre produtores rurais e o assessor especial do Ministério da Justiça, Marcelo Veiga, não deve ser definitiva para a compra das fazendas localizadas na denominada Terra Indígena Buriti, reinvidicas por indígenas de Sidrolândia, conforme reportagem na edição desta quinta-feira do jornal Correio do Estado.

A expectativa do governo federal é que a reunião sirva para esclarecer dúvidas de produtores e entidades representativas sobre os métodos adotados na avaliação das fazendas.

O Ministério da Justiça avalia, ainda, que, neste momento, quem deve apresentar uma contra-proposta são os produtores e não o governo federal e, assim, que a oferta de R$ 78 milhões continue mantida.

Em janeiro, o governo federal reuniu produtores e indígenas em Brasília (DF) para apresentar o resultado das avaliações feitas pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e pela Fundação Nacional do Índio (Funai) nas fazendas reivindicadas por indígenas que, juntas, somam 15 mil hectares. As avaliações resultaram no valor apresentado pelo Ministério da Justiça para a compra das fazendas: R$ 78 milhões. (Colaboraram na reportagem Daniella Arruda e Jéssica Benitez)

Felpuda


Partido está aos poucos montando a que vem sendo chamada de “chapa do quartel”, pois os pré-candidatos são oriundos da caserna. Há quem diga que os dirigentes da legenda ainda estão querendo pegar carona no “fenômeno Bolsonaro”, esquecendo-se que o presidente, embora vindo da área militar, está na política há 30 anos e o seu programa de governo agradou 57,7 milhões de eleitores. Dizem que tchurminha será obrigada a adicionar mais ingredientes no currículo, senão...