CENA SE REPETE

Governo federal 'represa' auxílio ao MS que enfrenta nova situação de emergência

Governo federal 'represa' auxílio ao MS que enfrenta nova situação de emergência
09/03/2011 17:50 - EVELIN ARAUJO


Mato Grosso do Sul tem 'represado' no Governo federal pouco mais de R$ 9 milhões que deveriam ter sido liberados para atender oito municípios afetados pela chuva de outubro de 2010. Esses recursos terão a liberação cobrada, conforme anunciou o governador André Puccinelli durante coletiva nesta tarde, principalmente porque outros municípios enfrentam agora situação de emergência.

Segundo o governador, estão ainda aguardando a liberação de recursos passados os municípios de Anaurilândia, Bataguassu, Batayporã, Naviraí, Nova Andradina, Santa Rita do Pardo, Selvíria e Três Lagoas. Solicitação nesse sentido havia sido reiterado no dia 03 de março.

Agora, os municípios de Aquidauana, Anastácio, Miranda, Coxim, São Gabriel do Oeste, enfrentam problemas com a cheia, registrando inúmeros desabrigados. O governador explicou que as prefeituras terão de encaminhar o pedido de situação de emergêncioa para que ele possa homologar a medida e, a partir daí, pedir recursos em Brasília.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".