Segunda, 11 de Dezembro de 2017

INFRAESTRUTURA

Governo estuda parcerias para Aquário do Pantanal

4 FEV 2014Por DA REDAÇÃO00h:00

Além do Aquário do Pantanal, unidades de conservação, novos presídios e até mesmo hospitais projetados para a área de fronteira poderão ser operados por meio de parceria público-privada (PPP) no Estado, segundo reportagem na edição de hoje (04) do jornal Correio do Estado. Os empreendimentos, que integram quatro áreas consideradas prioritárias, constam do Plano Estadual de PPP, publicado ontem no Diário Oficial do Estado.

De acordo com o plano, serão realizados estudos referentes à concessão nas áreas “Turismo, Ciência, Pesquisa e Tecnologia”, na continuidade dos estudos do projeto-piloto do Aquário do Pantanal, que consiste na identificação e elaboração de indicadores de monitoramento e avaliação de desempenho; “Meio Ambiente”, em projetos de gestão de unidades de conservação, principalmente parques e monumentos naturais; “Segurança Pública”, para construção e operação de presídios; e Saúde, para estudos preliminares referentes à construção e operação de hospitais, como indicação ao Ministério de Integração Nacional de PPP federal, na área de fronteira internacional brasileira.  

Conforme informações da coordenadora da Unidade Central de Parceria Público-Privada (UCPPP), Zaida de Andrade Lopes Godoy, o resultado dos estudos deve ser apresentado no segundo semestre deste ano ao conselho gestor do programa, formado por técnicos e representantes das secretarias estaduais de Meio Ambiente, Planejamento, Ciência e Tecnologia, Fazenda, Casa Civil, Procuradoria-Geral do Estado e Agência de Regulação estadual. A reportagem é de Daniella Arruda e Eduardo Miranda.

Leia Também