domingo, 15 de julho de 2018

Acidente

Governo chileno sabia de riscos da mina San José

24 OUT 2010Por Vera Halfen08h:35

Os riscos existentes na mina San José já era de conhecimento do governo do Chile, disse hoje o presidente da Central Unitária de Trabalhadores para a região de Copiapó, Javier Castillo. Ele conta que antes de a tragédia acontecer, houve uma reunião com a ministra do Trabalho, Camila Merino, quando foi abordado sobre os riscos da mina. "Falamos dos riscos dessa mina e que apesar da quantidade de acidentes, mortes e desmoronamentos, sempre se punha na balança o fato de manter os empregos às custas das vidas dos operários", disse Castillo.

No mesmo dia em que ocorreu a reunião, segundo Castillo, os trabalhadores alertaram o ministro da Mineração, Laurence Golborne, sobre as irregularidades, em 5 de julho, logo após o acidente com Gino Cortés, que perdeu uma perna na mina. Eles tentaram conversar novamente com Golborne, mas que não foram recebidos. Com informações da Folha Online

Leia Também