Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

CERIMÔNIA

Governador e ministros lançam Aquário do Pantanal

23 MAI 2011Por DA REDAÇÃO15h:34

O governador André Puccinelli, a ministra da Pesca e Aquicultura, Ideli Salvatti, o ministro do Turismo, Pedro Novais, e o representante do Ministério da Ciência e Tecnologia, Olival Freire, participam da solenidade de assinatura nesta segunda feira (23), da ordem de serviço das obras do Aquário do Pantanal, no Parque das Nações Indígenas em Campo Grande.

A solenidade tem início às 18 horas, nos altos da avenida Afonso Pena. A obra, que será construída com recursos próprios do Estado, é considerada o maior aquário de água doce do mundo, com 6,6 milhões de litros de água doce, 263 espécies e 7 mil animais.

No projeto conta com laboratórios de pesquisas sobre a Ictiofauna Pantaneira. O espaço irá abrigar um centro de conferências, laboratórios e biblioteca para livros e teses sobre o Pantanal, instalações que foram desenhadas lado a lado com os 24 tanques de peixes, jacarés, sucuris, entre outras espécies.

A empresa vencedora, a Egelte, apresentou a proposta de R$ 84.749.754,23. O governo do Estado pediu o adiantamento da obra em três meses para a população sul-mato-grossense seja prestigiada com a inauguração do aquário no 36º aniversário de criação do Estado em agosto 2013.

O local tem capacidade para receber 20 mil visitantes por dia. Inicialmente projetado para impulsionar o turismo, o aquário teve seu objetivo ampliado para servir também como centro de pesquisa científica e de educação ambiental. O projeto dos 18.636 metros quadrados da construção tem assinatura do arquiteto Ruy Othake.

Veja os principais detalhes da obra do Aquário do Pantanal:

• Edificação de 18,6 mil metros quadrados;

• Serão 24 tanques de aquários, somando um volume de água de aproximadamente 6,6 milhões de litros de água.

• Exposição de 7 mil animais, subdivididos em mais de 200 espécies (peixes, invertebrados, répteis e mamíferos).

• Será o maior aquário de água doce do mundo.

• Oportunidade única para estudantes, cientistas e pesquisadores se aprofundarem sobre questões ambientais e a biodiversidade brasileira.

• O aquário contará com Centro de Visitação, Centro de Interatividade, Centro de Pesquisa e Biblioteca.

• O Aquário do Pantanal vai oferecer espaços de educação ambiental e de pesquisas voltadas à conservação dos ecossistemas aquáticos.

Leia Também