PROTESTO

Google, Facebook e Amazon preparam um blackout

Google, Facebook e Amazon preparam um blackout
03/01/2012 11:33 - adrenaline


Segundo o site americano Fox News, serviços como o Facebook, Google e Amazon estariam estudando a possibilidade de realizar um blackout coordenado de seus serviços, em protesto contra a aprovação do Stop Online Piracy Act (SOPA). Estes sites desativariam seus serviços, substituindo suas páginas por imagens de protesto contra a aprovação do projeto de lei.

A lei divide opiniões por dar ao estado americano o poder de bloquear um site que considera estar infringindo direitos autorais, derrubando o serviço sem necessidade de um processo judicial. Os principais opositores desta lei são os sites que possibilitam que os usuários compartilhem arquivos, como YouTube, Wikipedia e Megaupload, já que passariam a ser responsabilizados pelo uso indevido dos direitos autorais de seus usuários e teriam seus serviços bloqueados.

Veja artigo explicando o que é o S.O.P.A

O SOPA tem o apoio de empresas de software e de produção de conteúdos, como gravadoras e grandes estúdios, que ganhariam uma forma rápida e eficiente de evitar o uso indevido de seus produtos, no lugar dos longos ineficazes processos judiciais.

Na semana passada, mais de 40 mil sites, entre eles a Wikipedia, abandonaram o serviço de hospedagem Go Daddy!, após este afirmar que apóia o SOPA. Outras grandes empresas, como Dell, Apple, Microsoft, Intel, além de uma série de gravadoras e grandes estúdios, já declaram apoio a aprovação deste ato. A votação foi adiada após um debate acalorado entre os legisladores americanos, que decidiram quer era necessário mais tempo, e um relatório mais detalhado de especialistas, antes da decisão.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".