Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

Capital

Golpe telefônico do sequestro continua a acontecer

16 MAI 2011Por Laís Camargo13h:33

Caracterizado como tentativa de extorsão, o golpe telefônico do sequestro continua a acontecer. Hoje pela manhã, Dirceu V. Costa, 65 anos, recebeu uma ligação na qual o sujeito afirmava que havia sequestrado a filha de Dirceu e que queria a quantia de R$ 15 mil para a libertação.

Dirceu assustou-se, pois o golpista falou o nome da filha e disse que possuía R$ 1 mil. O golpista informou o número de uma conta e agência bancária para que efetuassem o depósito. O pai conseguiu entrar em contato com a filha, que mora no Rio de Janeiro, e descobriu que tratava-se de um golpe.

“Esse tipo de ocorrência diminuiu bastante, porque as pessoas estão checando as informações antes de realizarem os depósitos. As ligações geralmente acontecem de dentro de presídios, de estados do nordeste do país ou Rio de Janeiro”, aponta o Delegado João Eduardo Davanço.
 

Leia Também