Campo Grande - MS, terça, 14 de agosto de 2018

Transferência bancária

"Golpe do mecânico" já fez três vítimas em Costa Rica

2 MAI 2011Por Idest09h:41

Os golpes aplicados por estelionatários em pessoas simples de Costa Rica já atingiu o montante de 4.2 mil em prejuízos. Neste sábado por volta das 11 horas uma mulher de 39 anos registrou Boletim de Ocorrência (B.O) informando ter caído no "golpe do mecânico”, onde ela depositou na conta dos bandidos a quantia de R$ 2.400,00.

A mulher é empresaria e fez uma transferência bancaria de sua conta para a conta de Weslaine Ferreira Silva em uma conta na agência da Caixa Econômica Federal. De acordo com a vítima, uma pessoa ligou e disse ser seu primo, e pediu para que ela depositasse o valor na conta para consertar o carro, uma vez que estava estragado na estrada.

Outras vítimas

No último dia 27 por volta das 15 horas, S.V. de 75 anos foi lesado em R$ 1.000,00. Ele a recebeu um telefonema de um suposto sobrinho que se identificou como sendo Edmilson. O sujeito disse que estava com o veículo quebrado na estrada próximo a cidade de Chapadão do Sul e precisava de dinheiro para consertar o carro.

O idoso foi ao banco e efetuou o depósito, depois foi certificar e descobriu que não se tratava de um sobrinho seu. O depósito foi creditado na conta de João Pedro Nogueira na agência da caixa Econômica Federal.

O primeiro golpe aconteceu no último dia 25 e lesou F. P, de 68 anos, também em R$ 1.000,00. Ele recebeu um telefonema de uma pessoa que se dizia chamar Mario dizendo ser sobrinho da vítima e precisava que fosse depositado o valor em sua conta na Agência da Caixa Econômica Federal para consertar o carro uma vez que ele estava com o carro quebrado na estrada.

Leia Também