Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTES

Goleiro holandês é condenado por possuir uma plantação de maconha

Goleiro holandês é condenado por possuir uma plantação de maconha
23/04/2011 06:00 - futebolinterior


O goleiro Gino Coutinho, do Den Haag, da primeira divisão do Campeonato holandês, foi julgado e culpado pela justiça da Holanda, por diverso delitos, o principal era que ele possuia uma plantação de maconha em sua fazenda. Junto com ele, sua namorada também acabou sendo condenada por um ano de prisão.

No mês de março, o pai do goleiro, Willian, havia sido condenado a dois meses por ajudar o seu filho a cuidar da plantação de maconha, que tinha mais de 4,2 mil pés. A fazenda está localizada em Ens, na província de Flevoland.

Além de ser condenado por plantar a droga, Gino Coutinho também estava envolvido em um caso de falsificação e lavagem de dinheiro. O julgamento aconteceu na última quinta-feira, que decidiram pela sua condenação.

Carreira
Gino Coutinho tem 28 anos e está no Den Haag desde a temporada de 2008, quando chegou para assumir a condição de titular. Ele já teve passagens por PSV, Den Bosch, NAC Breda e Vitesse, já defendeu a seleção holandesa sub21 e disputou o Mundial Sub20 em 2001.

Felpuda


Em uma das eleições em MS, candidato já oficializado na convenção corria o trecho para conquistar os eleitores. Mal sabia, porém, que time do seu partido e de aliados estava tramando sua derrubada para emplacar substituto que teria mais votos. Por muito pouco, o dito-cujo não foi guilhotinado, conseguindo salvar o pescoço. Agora tudo indica que o mesmo processo estaria em andamento e seria mais fácil, pois a “vítima” desta vez ainda é só pré-candidato. Dizem que a “turma da trairagem” tem know-now no assunto.