Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

FUTEBOL

Goiás elimina Avaí e encara Palmeiras na Sul-Americana no dia 17

12 NOV 2010Por ESTADÃO06h:56

O Goiás reverteu a vantagem do Avaí nesta quinta-feira e conquistou a vaga na semifinal da Copa Sul-Americana. Jogando na Ressacada, em Florianópolis, o time goiano venceu por 1 a 0, depois de empatar por 2 a 2, no Serra Dourada. Seu próximo adversário é o Palmeiras, um dos favoritos ao título da competição internacional.

O primeiro jogo da semifinal será disputado no dia 17, próxima quarta-feira, em Goiânia. A partida da volta acontecerá no Estádio do Pacaembu, em São Paulo, no dia 24. O Palmeiras avançou na Sul-Americana ao vencer o Atlético-MG por 2 a 0, na quarta.

Com a vitória, o Goiás, que contou com a estreia do técnico Artur Neto, ganhou novo fôlego e renovou sua confiança para tentar escapar do iminente rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Já o Avaí, também ameaçado pela queda, concentrará suas forças na competição nacional.

O JOGO - Avaí e Goiás fizeram um primeiro tempo de poucas oportunidades de gol e baixa qualidade técnica. Apesar de jogar pelo empate, o time da casa mostrou maior iniciativa no ataque, mas praticamente não ameaçou o gol de Harlei. Na melhor chance, Roberto, sem marcação, recebeu grande lançamento pelo meio, na entrada da área, mas foi surpreendido por Wellington Saci, que roubou a bola e afastou o perigo, aos 32 minutos.

O Goiás também deu pouco trabalho à defesa rival. Abusando dos passes errados no meio-campo, a equipe goiana só passou a ameaçar o gol de Zé Carlos nos minutos finais da etapa. Com dificuldade para articular jogadas de perigo, os visitantes chegaram ao gol em lance de bola parada. Aos 44 minutos, Wellington Saci cobrou escanteio na área, Felipe ajeitou e Rafael Moura, na pequena área, desviou para o fundo das redes.

O gol deu novo ritmo aos dois times, que fizeram um segundo tempo mais movimentado. Depois da lentidão do início do jogo, o Goiás foi mais objetivo e criou as melhores oportunidades. Rafael Moura, de cabeça, e Marcelo Costa, em chute perigoso dentro da área, quase marcaram antes de completar 10 minutos.

O Avaí respondeu aos 14. Após cobrança de escanteio, Emerson aproveitou rebote e finalizou rasteiro, rente à trave esquerda de Harlei. Sete minutos depois, Patric cobrou falta com perigo à esquerda do gol. Aos 28, foi a vez de Diogo Orlando levar perigo, em belo chute da entrada da área, por cima do gol.

O jogo, porém, caiu de rendimento nos minutos finais. A fragilidade técnica das duas equipes ficava evidente na dificuldade de armar lances de maior perigo. Diante da reação do rival, o Goiás recuou e passou a jogar nos contra-ataques, neutralizados com facilidade pela defesa anfitriã. O Avaí, por sua vez, mostrava nervosismo e não conseguia acertar nas finalizações, o que decretou a sua eliminação.

No domingo, os dois times voltam a campo para a 35.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Avaí enfrentará o Internacional, no Beira-Rio, enquanto o Goiás terá pela frente o líder Fluminense, no Engenhão. 

AVAÍ 0 - Zé Carlos; Emerson, Rafael e Emerson Nunes (Marcelinho); Patric, Rudnei (Jéferson), Caio, Pará, Diogo Orlando e Válber (Robinho); Roberto. Técnico: Vágner Benazzi.

GOIÁS 1 - Harlei; Douglas, Ernando, Rafael Toloi e Marcão; Amaral, Carlos Alberto, Marcelo Costa, Wellington Saci; Felipe (Jones) e Rafael Moura. Técnico: Artur Neto.

Gol - Rafael Moura, aos 44 minutos do primeiro tempo; Cartões amarelos - Válber, Rafael, Emerson Nunes (Avaí); Carlos Alberto, Marcão (Goiás); Árbitro - Heber Roberto Lopes (Fifa/PR); Renda e público - Não disponíveis; Local - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)



Leia Também