Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

GO: mulheres sofrem queimaduras após sessões de bronzeamento

11 MAR 14 - 17h:45Folhapress

Ao menos sete mulheres tiveram queimaduras nos braços e nas pernas após uma sessão de bronzeamento em uma clínica em Jataí, no interior de Goiás. A Polícia Civil investiga o caso.
Segundo o delegado João Paulo Forigotti, duas delas chegaram a apresentar queimaduras de segundo grau em cerca de 80% do corpo após uma sessão de bronzeamento com produtos realizada no dia 2.

Após sentirem dores e notarem o surgimento de bolhas pelo corpo, elas foram internadas no Centro Médico de Jataí. Em seguida, foram transferidas para a UTI do Hospital de Queimaduras de Goiânia.

Outras vítimas já foram identificadas e devem ser ouvidas nesta semana, segundo o delegado.

As mulheres relataram à polícia que já haviam participado de outras sessões no local, mas que na última vez foi aplicado um produto diferente para acelerar o bronzeamento sob o sol: um óleo de canela com coco.

De acordo com o delegado, o produto não foi localizado. As sessões de bronzeamento costumavam ocorrer das 9h às 11h, de acordo com relato das vítimas e familiares à polícia.
"É uma prática de bronzeamento natural, mas que é não é tão natural", diz Kelle Mello, coordenadora da Vigilância Sanitária de Jataí, que também investiga o caso.

Segundo ela, o local, misto de clínica e salão de beleza, funcionava de forma clandestina nos fundos de uma casa, onde também eram oferecidos outros serviços, como depilação.
Após saber das denúncias, a Vigilância Sanitária interditou o local. O nome da proprietária não foi divulgado.

Durante a fiscalização do órgão, a proprietária alegou ter descartado todo o produto utilizado nas sessões.

"Ela disse que usou um produto com base em óleo de coco e canela. Mas não tivemos acesso a esse produto", diz Mello.

Ainda segundo a coordenadora, não há legislação específica sobre a atividade de bronzeamento natural, o que dificulta a fiscalização. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

SENADO

Projeto que afrouxa regras para partidos pode ser votado hoje

Confira o seu astral para esta terça-feira
OSCAR QUIROGA

Confira o seu astral para esta terça-feira

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta terça-feira: "Soluções para a saúde"

ARTIGO

Gilson Cavalcanti Ricci: "Taiga siberiana, a maior floresta do mundo"

Advogado

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião