Domingo, 17 de Dezembro de 2017

em janeiro

Gleisi Hoffmann quer sair da Casa Civil

27 DEZ 2013Por AGÊNCIA BRASIL12h:45

 A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, disse hoje (27) que pretende deixar o cargo em janeiro para poder decidir seu futuro político. A ministra é cotada para se candidatar ao governo do Paraná, concorrendo, neste caso, com o atual governador, Beto Richa, do PSDB. Segundo ela, no entanto, a decisão ainda não está tomada.

“A decisão de concorrer ao governo vai ser tomada no ano que vem, após minha saída da Casa Civil. Não tem uma decisão tomada ainda”, disse durante café com jornalistas, no Palácio do Planalto. “É uma avaliação política que eu não quero misturar enquanto estou exercendo a função aqui. Gosto de separar as coisas”.

Gleisi disse que, para evitar que a decisão da provável candidatura coincida com o exercício do cargo, solicitou à presidenta Dilma Rousseff afastamento e está aguardando resposta. A ministra disse ainda que, quando a data de sua saída for decidida, ela vai colaborar na transição das funções para o substituto. “Eu, particularmente, prefiro sair em janeiro e a presidenta também tinha essa data como referência”, indicou. A ministra deve tirar férias entre 13 e 23 de janeiro.

Leia Também