Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 18 de novembro de 2018

Campo Grande

Giroto lidera gastos com campanha nos primeiros meses de eleição

7 AGO 2012Por Gabriel Maymone13h:15

De acordo com os dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) da primeira parcial da prestação de contas declarada pelos candidatos de Campo Grande, Edson Giroto (PMDB) lidera os gastos referentes aos primeiros meses de campanha.

Giroto declarou ter gasto R$ 1.664.525,96, sendo que a maior parte das despesas foram com doações financeiras a outros candidatos, comitês financeiros ou partidos (R$ 1,27 milhão), seguido por gastos com serviços prestados por terceiros (R$ 248 mil) e combustível (R$ 102 mil). Todas as despesas declaradas pelo candidado peemedebista foram pagas.

O candidato Reinaldo Azambuja (PSDB) foi o segundo 'gastador' até o momento. Ele informou despesas no montante de R$ 378.423,23, sendo R$ 120 mil em produção de programas para TV e rádio, R$ 84 mil com publicidade para materiais impressos e R$ 49,5 mil com doações financeiras a outros candidatos, comitês financeiros ou partidos. Desse total, o candidato tucano informou ter pago R$ 246.524,00.

À Justiça Eleitoral, Alcides Bernal (PP) declarou gastos somados em R$ 31,6 mil, sendo que R$ 25 mil foi gasto com locação de bens móveis e o total já foi pago. Vander Loubet (PT) declarou despesas no valor de R$ 12,4 mil, investidos na maior parte em locação de bens móveis (R$ 4,8 mil) e publicidade para materiais impressos (R$ 4,6 mil), porém, o candidato informou que as despesas ainda não foram pagas.

Já Marcelo Bluma (PV), declarou gastos no valor de R$ 5 mil até o momento. O valor, já quitado, foi gasto com publicidade para material impresso. Com as campanhas mais modestas, os candidatos Sidney Melo (PSOL) e Suél Ferranti (PSTU) declararam que não tiveram nenhuma despesa ainda.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também