Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Gays tentam barrar indicação de general

10 FEV 10 - 22h:54
Os sargentos Fernando Alcântara de Figueiredo e Laci Araújo ingressaram ontem com representação na Mesa Diretora do Senado contra a indicação do general Raymundo Nonato de Cerqueira Filho para o STM (Superior Tribunal Militar). Laci foi detido pelo Exército depois que revelou manter relação amorosa com Figueiredo – que pediu baixa das Forças Armadas em meio à polêmica, ocorrida em 2008. Os militares vão tentar convencer o Senado a derrubar a indicação do general para o STM depois que Cerqueira Filho, em sabatina na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado, manifestou posição contrária à presença de homossexuais nas Forças Armadas. Os sargentos protocolaram o requerimento na Mesa Di retora da Casa e entregaram uma cópia do documento ao senador Demóstenes Torres (DEM-GO), presidente da CCJ. Os militares argumentam que, como futuros integrantes do STM, o general e o almirante terão que julgar o processo contra Laci que tramita no tribunal. O sargento responde a processo no STM por deserção após revelar a relação amorosa com Figueiredo – que está na reserva.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Banco será  responsável por aditivo <br>em obra do Reviva Centro
REVIVA CAMPO GRANDE

Banco será responsável por aditivo
em obra do Reviva Centro

Sanesul pode perder concessão de serviços de saneamento em Dourados
IMPASSE

Sanesul pode perder concessão de serviços em Dourados

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta quarta-feira: "Ganância desenfreada"

ARTIGO

Benedito Rodrigues da Costa: "O Lago do Amor está morrendo"

Economista

Mais Lidas