Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

nacional

Frente da Reforma Política será reinstalada hoje

23 MAR 11 - 07h:53agência Câmara

A Frente Parlamentar Mista Reforma Política com Participação Popular será reinstalada hoje. A deputada Luiza Erundina (PSB-SP), coordenadora provisória da frente, explica que uma das ações do grupo será mobilizar a sociedade para pressionar pela aprovação de uma reforma política que não seja um “simples remendo” e não trate apenas do sistema eleitoral.

“A reforma política não diz respeito somente aos parlamentares, por isso, o propósito dessa frente é fazer uma ponte com a sociedade para a discussão do tema. Ela é um espaço amplo, plural, aberto para propostas, e que vai trazer o pensamento da sociedade a respeito dessa questão”, explica a deputada.

Os integrantes da frente parlamentar vão defender a inclusão de temas como democracia direta, controle social e revisão de mandatos de pessoas "que tenham traído a vontade popular". Em relação ao sistema de votação, a frente é favorável a uma lista preordenada de candidatos com alternância entre homens e mulheres, ao financiamento público de campanha e ao fim das coligações.

A ideia, segundo o senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), que também é coordenador provisório do grupo, é colaborar com o trabalho das comissões criadas pela Câmara e pelo Senado para tratar do tema.

A reinstalação da frente está marcada para as 14 horas no auditório Freitas Nobre. Em seguida serão eleitos os coordenadores definitivos do grupo.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CLÁUDIO HUMBERTO

Caso único no mundo

Confira o seu astral para esta terça-feira
OSCAR QUIROGA

Confira o seu astral para esta terça-feira

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta terça-feira: "O pragmatismo sempre vence"

ARTIGO

Flavio A. Sandi: "Os limites e a liberdade na educação"

Professor

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião