Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Frangosul de Caarapó atrasa pagamentos

3 MAR 10 - 05h:50
Diretores da Doux Frangosul prometeram regularizar o pagamento dos frangos entregues na unidade de Nova América, em Caarapó, depois de reclamações dos integrados na região. Os porta-vozes da indústria, com matriz em Montenegro (RS), alegaram que os atrasos ocorreram por problemas financeiros em razão da crise mundial, que reduziu o consumo de carnes em geral, impactando suas exportações. Também no Rio Grande do Sul a inadimplência da empresa com pequenos produtores tem gerado sucessivas reuniões, mas até o momento não houve acordo, apesar da promessa da Doux de começar a pagar os atrasados este mês. Em 2008, a empresa exportou 364.737 toneladas de frango do Brasil. O encontro entre representantes dos avicultores e da Doux foi provocado pelo Sindicato Rural de Caarapó, que mantém uma comissão técnica de avicultura, e pelo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Carlos Martins, diante das reclamações dos criadores de frango de corte. Diretores de Produção Animal da Doux Frangosul afirmaram que a agroindústria deverá tomar empréstimo bancário para fazer os pagamentos, lembrando que o consumo interno e mundial de frango começou a aumentar abrindo boas perspectivas para o setor, como citou o diretor Roque Bampi. O prazo contratual para pagamento aos integrados é de 30 dias após a entrega das aves para o abate na Doux, em Nova América. Mas desde fevereiro de 2009 esse intervalo começou a aumentar, chegando a 60 dias, descapitalizando os produtores. A empresa tem 127 produtores integrados em Caarapó e região, que mantém em funcionamento 211 aviários. Os abates de frango atingem 137 mil frangos por dia. O vice-presidente do Sindicato Rural, José Elnício, afirmou que “tivemos a garantia dos diretores da Doux, que vieram do Rio Grande do Sul para a reunião, de que a situação econômica está melhorando e será feito um financiamento para os pagamentos. A normalização deve ocorrer nas próximas semanas”, disse. Igual No Rio Grande do Sul, os atrasos no pagamento pelos frangos e suínos que a Doux Frangosul recebe dos seus 2.700 produtores integrados também já dura um ano. No dia 22 de janeiro a proposta de pagamento dos integrados gaúchos não foi aceita pela comissão ampliada de integrados. O cronograma de pagamento da companhia está atrasado há mais de três meses, informou a Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Estado (Fetag). A Doux-Frangosul quer um período superior a 120 dias para deixar tudo em dia, iniciando em 15 de março e encerrando em 30 de julho. A comissão considerou o prazo de mais quatro meses excessivo.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Delegacia passa a atender em novo endereço a partir desta quarta-feira
FIQUE ATENTO!

Delegacia assa a atender em novo endereço a partir desta quarta-feira

CCJ da Câmara adia votação da PEC da segunda instância
BRASÍLIA

CCJ da Câmara adia votação da PEC da segunda instância

Porto Murtinho entra em situação de emergência por conta de erosão em barragem
DECRETO

Porto Murtinho entra em emergência por conta de barragem

Estados discutem mudanças em regras para cobrança do ICMS
TRIBUTO

Estados discutem mudanças em regras para cobrança do ICMS

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião