Quinta, 14 de Dezembro de 2017

fórmula-1

Francês deixa o cargo de chefe da Lotus

24 JAN 2014Por FOLHA PRESS16h:45

A lista de saídas na Lotus não para de crescer. Depois de perder Kimi Raikkonen, o diretor técnico James Allison e seu principal engenheiro de motores, Ricardo Penteado, agora foi a vez de Eric Boullier deixar o cargo de chefe da equipe.

O francês, que assumiu a função em 2010, ainda não divulgou qual será seu destino, mas especula-se que ele ocupará a vaga de Martin Whitmarsh, que deve ser afastado da McLaren com a volta de Ron Dennis ao time inglês. Hoje, Whitmarsh não esteve no lançamento do novo carro do time, o MP4-29.

Se na McLaren o comando do time ainda não foi anunciado oficialmente para a temporada que começa em 16 de março, na Austrália, a Lotus já divulgou o substituto de Boullier. Será Gérard Lopez, presidente do Grupo Genii, dona de parte do time.

Em um comunicado divulgado hoje, a Lotus afirma que o motivo da troca foi aumentar o papel da Genii na equipe e estreitar relações entre as áreas estratégicas, esportivas e comerciais.

Neste ano, a Lotus, uma das surpresas da temporada passada, terá Romain Grosejan e Pastor Maldonado como pilotos titulares.
 

Leia Também