Quarta, 21 de Fevereiro de 2018

FISCALIZAÇÃO

Força tarefa multa proprietário de ferro-velho e recolhe carcaças

19 JAN 2011Por vivianne nunes e daniela arruda10h:06

O proprietário de um ferro-velho no cruzamento das ruas Evangelo Palieragui e Raposo Tavares, no bairro Jardim Paulista, foi multado em R$ 1,8 mil por ocupação indevida do passeio público na manhã de hoje. Equipe de fiscalização composta por membros da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur), Agência de Transporte e Trânsito (Agetran), Secretaria Municipal de Receita (Semre) e a Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau) estiveram no local logo pela manhã.

Foram encontradas e recolhidas quatro carcaças pedaços de veículos, peças e outros materiais que estavam ocupando a calçada e parte da rua. A fiscalização já havia passado pelo ferro-velho na última sexta-feira e alertado sobre a necessidade de se remover as peças, mas como nada foi feito, a multa foi aplicada.

O proprietário também não apresentou aos fiscais da Secretaria Municipal de Receita, o alvará de funcionamento. Ele também foi notificado pela Secretaria Municipal de Saúde ao serem encontrados pontos de proliferação do mosquito da dengue em água parada e acumulada em latarias e pneus. As placas das carcaças terão sua origem verificadas pela Agetran e Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran), que também fazem parte da fiscalização. O local também não possui licenciamento ambiental e foi dado um prazo de 15 dias para que as irregularidades sejam sanadas.

Segundo o diretor de controle urbanistíco e posturas da Semadur, Waldiney Costa da Silva, as vistorias estão sendo feitas nas calçadas pela ocupação irregular, levando em conta que no início do ano é grande o volume de chuva que favorece o foco da dengue

Leia Também