Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Incêndio

Fogo perto da Base Aérea causa transtornos

7 SET 10 - 21h:07
MICHELLE ROSSI

Quem passou pelas imediações da Base Aérea e Aeroporto Internacional de Campo Grande na manhã de ontem pode ter se assustado com a fumaça que de longe chegava a encobrir as aeronaves que faziam pousos e decolagens na pista compartilhada entre aviação civil e militar. O motivo foi um incêndio que começou no limite entre a Base Aérea e o Conjunto União por volta das 5h, mas só foi controlado cerca de 10h. Aproximadamente 3 mil metros de área de mata foram atingidas.
Há indícios de que moradores da região tenham colocado fogo em lixo no local e perderam o controle da situação. Quarenta militares tiveram de atuar no controle ao incêndio. Nenhum voo foi cancelado por conta da fumaça que se espalhou pelo local durante toda a manhã.   
Esta não é a primeira vez que incêndios nas proximidades da Base e do Aeroporto Internacional provocam uma cortina de fumaça numa área onde a falta de visibilidade pode gerar acidentes de grandes proporções.
Outros dois incêndios de grandes proporções foram registrados nas últimas semanas na região e causaram transtornos para os moradores. Um deles, começou no limite da Base com o Bairro Taveirópolis. O outro, há cerca de três semanas, também atingiu quase 3 quilômetros de vegetação no perímetro com o Bairro Oliveira.  
Segundo a assessoria de imprensa da Base Aérea, a vegetação está seca por conta da estiagem – não chove em Campo Grande há quase dois meses — o que favorece a rápida propagação das chamas.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

MS tem melhor saldo de empregos em julho desde 2012
CAGED

MS tem melhor saldo de empregos em julho desde 2012

Prédio próximo ao Mercadão deve entrar no Retrofit, diz prefeito
HABITAÇÃO

Prédio próximo ao Mercadão deve entrar no Retrofit, diz prefeito

QUEIMADAS

MS irá contratar 91 brigadistas para combater incêndio no Pantanal

Governo disse que pode fazer parceria com Exército
Sejusp estuda adoção do novo modelo de RG em Mato Grosso do Sul
MUDANÇA

Sejusp estuda adoção do novo modelo de RG em MS

Mais Lidas